Ellen Nascimento

Blog Jornalístico

Eleitor pode justificar ausência até 4 de dezembro

Publicado em: 7 de outubro de 2014 | por: ellen nascimento

O eleitor que não votou nas eleições deste domingo e também não compareceu a nenhum posto de votação para justificar seu voto, tem até o dia 4 de dezembro para fazer isso.

As pessoas aptas a votar que não compareceram às suas seções nas eleições de 2014, também podem optar por pagar multa, de R$3,51, bastando se dirigir ao cartório eleitoral portando o título de eleitor.

Segundo o TSE, mesmo não tendo votado e nem justificado em primeiro turno, o eleitor não fica impedido de votar no segundo turno. Caso ele não participe e não apresente justificativa, terá mais 60 dias para explicar-se à justiça.

Sem comprovar que votou, ou cumpriu com suas obrigações eleitorais, o eleitor fica impedido de exercer alguns direitos como: inscrever-se em concurso público; ser empossado em cargo público; obter carteira de identidade ou passaporte; renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial; obter empréstimos em bancos oficiais; participar de concorrência pública ou administrativa.

Quem não votar em três eleições consecutivas – considerando cada turno uma eleição – terá sua inscrição eleitoral cancelada.

No MA, greve dos bancários termina parcialmente

Publicado em: 7 de outubro de 2014 | por: ellen nascimento

Em assembléia realizada nesta segunda-feira (6), na sede do Sindicato dos Bancários do Maranhão (SEEB-MA), em São Luís, os bancários maranhenses decidiram encerrar parcialmente a greve da categoria no Estado.

Com a decisão, as agências de bancos privados, da Caixa Econômica e do Banco do Brasil reabrem a partir desta terça-feira (7), após uma semana de paralisação.

Já as agências do Banco da Amazônia e do Banco do Nordeste continuam em greve por tempo indeterminado no Maranhão e em Estados, como o Pará, Ceará, Sergipe e Bahia.

As propostas do Basa e do BNB foram consideradas baixas e insuficientes, se comparadas com as dos outros bancos públicos. Por isso, os bancários rejeitaram, por unanimidade, as propostas, mantendo a greve.

Nova Assembléia 

Nesta terça-feira, às 16h30, será realizada nova assembleia na sede do SEEB-MA, na Rua do Sol, Centro de São Luís, para definir o futuro da greve no Basa e no BNB.

 Rejeição de propostas

Mesmo posicionando-se enfaticamente contra as propostas rebaixadas da Fenaban, da Caixa e do Banco do Brasil, a categoria maranhense agiu de forma democrática e acatou a decisão da maioria dos sindicatos do país, que decidiu pelo fim da greve nacional nestes bancos.

Os deputados eleitos João Marcelo (Federal) e Josimar de Maranhãozinho (Estadual), apoiados pelo prefeito Clodomir Oliveira, foram os parlamentares mais bem votados no município de Raposa

Publicado em: 6 de outubro de 2014 | por: ellen nascimento

unnamed

O prefeito de Raposa, Clodomir Oliveira, conseguiu eleger seus deputados (Estadual e Federal) e sai fortalecido da eleição deste domingo (5/10). O deputado Federal eleito João Marcelo (PMDB), apoiado pelo prefeito Clodomir Oliveira (PRTB), teve 83.847 votos no Estado, sendo que no município de Raposa teve  1.614 votos.

O deputado Estadual eleito Josimar de Maranhãozinho, também apoiado pelo gestor foi o mais bem votado em todo o Maranhão com 99.252 votos, sendo que no município de Raposa teve 2.046 votos.

Esse resultado mostra a liderança que o prefeito exerce junto ao povo.

Comemoração da eleição de Roberto Rocha termina com uma morte e dois feridos

Publicado em: 6 de outubro de 2014 | por: ellen nascimento

O advogado Brunno Soares Matos, foi assassinado a facadas na madrugada desta segunda-feira (6), após festa de comemoração do senador eleito Roberto Rocha (PSB), realizada no comitê de campanha do candidato no bairro Olho D’Àgua. O irmão dele, Alexandre Soares Matos, e uma terceira pessoa, identificada como Kelvin Kim Chang, também foram feridos e estão em um hospital da cidade. O suspeito do crime é Carlos Humberto Marão Filho, que foi encaminhado para a Delegacia do Turú.

Segundo informações da polícia, o suspeito mora em uma residência próxima ao comitê e, por volta de 5h, foi ao local para reclamar do som alto. Armado com uma faca, o homem teria ameaçado os rapazes, que arrumavam o local, e começado a quebrar retrovisores de veículos que estavam estacionados na frente do comitê.

Brunno então reclamou da atitude do suspeito, que entrou em confronto com as vítimas e feriu gravemente os três.

As vítimas foram levadas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Araçagi. O advogado foi ferido na região do abdômen e não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito no hospital. Alexandre foi atingido no abdômen e Kelvin teria ficado com uma faca cravada nas costas. Eles foram transferidos para o hospital São Domingos.

Brunno Matos trabalhava  na assessoria jurídica da campanha de Roberto Rocha e na Prefeitura de São Luís.

Confira a lista dos deputados estaduais eleitos no Maranhão

Publicado em: 6 de outubro de 2014 | por: ellen nascimento

Definidas as vagas para a Assembléia Legislativa do Maranhão.  Os deputados estaduais mais votados foram Josimar de Maranhãozinho (PR) e Glauber Cutrim (PRB).

Confira a lista completa: 

1º Josimar de Maranhãozinho (PR) – 99.252

2º Glauber Cutrim (PRB) – 85.984

3º Ana do Gás (PRB) – 78.287

4º Andrea Murad (PMDB) – 77.889

5º Dr. Antônio Pereira (DEM) -73.353

6º Humberto Coutinho (PDT) – 67.982

7º Roberto Costa (PMDB) – 57.559

8º Edilázio (PV) – 56.239

9º Edson Araújo (PSL) -55.269

10º Nina Melo (PMDB) – 52.979

11º Léo Cunha (PSC) – 50.828

12º Max Barros (PMDB) – 49.495

13º Adriano Sarney (PV) – 48.463

14º Sousa Neto (PTN) – 48.118

15º Eduardo Braide (PMN) – 47.519

16º Carlinhos Florêncio (PHS) – 42.032

17º Stênio Rezende (PRTB) – 41.857

18º Rigo Telles (PV) – 41.016

19º Bira do Pindaré (PSB) – 38.829

20º Zé Inácio (PT) – 38.753

21º Ricardo Rios (PEN) – 38.575

22º Rogerio Cafeteira (PSC) – 37.229

23º Neto Evangelista (PSDB) – 36.297

24º Cesar Pires (DEM) – 36.221

25º Alexandre Almeida (PTN) – 36.021

26º Fábio Macedo (PDT) – 35.770

27º Paulo Neto (PSDC) – 34.580

28º Raimundo Cutrim (PCdoB) – 33.760

29º Valéria Macedo (PDT) – 33.159

30º Vinicius Louro (PR) – 32.870

31º Junior Verde (PRB) – 32.223

32º Edvaldo Holanda (PTC) – 31.688

33º Professor Marco Aurélio (PCdoB) – 30.900

34º Sérgio Frota (PSDB) – 30.525

35º Graça Paz (PSL) – 30.313

36º Othelino Neto (PC doB) – 30.196

37º Fábio Braga (PT do B) – 29.612

38º Heméterio Weba (PV) – 27.459

39º Francisca Primo (PT) – 27.330

40º Welington do Curso (PPS) – 22.896

41º Dr. Levi Pontes (SD) – 19.603

42º Cabo Campos (PP) -19.298