Ellen Nascimento

Blog Jornalístico

Aprovado projeto que garante CNH de graça

Publicado em: 10 de março de 2015 | por: ellen nascimento

cnh

A Assembleia Legislativa do Maranhão aprovou, por unanimidade, na sessão desta segunda-feira (9), projeto de lei do Programa CNH Jovem. Encaminhada aos parlamentares pelo governador Flávio Dino ainda em fevereiro, o programa determina que jovens entre 18 e 21 anos, que tenham cursado as três últimas séries do ensino médio em escola pública, concorrerão a isenção nos custos de cursos teóricos e práticos e nas taxas de emissão de Permissão para Dirigir (PD) e Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Integrando um conjunto de ações que já estão sendo desenvolvidas, o CNH Jovem pretende fortalecer o protagonismo juvenil e contribuir no processo emancipatório desta faixa etária no estado. Com a possibilidade de emitir a carteira de motoristas sem custos, o jovem adquire mais uma qualificação para competição no mercado de trabalho.

“A aprovação deste projeto sinaliza para a concretização de sonhos de milhares de jovens, que estarão isentos das taxas para habilitação. Este projeto tem papel importante no futuro de milhares de jovens daqui por diante. Não apenas na geração de emprego e de oportunidades para os beneficiados, mas por tratar-se de uma política transversal, ela gera queda no índice de acidentes, de infrações no trânsito e também na saúde pública”, destacou o governador Flávio Dino.

CNH

O custeio da emissão de PD e CNH no Maranhão, atualmente, varia entre R$ 1.200 e R$ 1.600. Com a eliminação destes custos, além de facilitar o acesso dos jovens ao mercado de trabalho, o programa terá papel importante na garantia da segurança do trânsito.

Atualmente, a frota do estado conta com 1,3 milhão de veículos, sendo que apenas 700 mil habitantes estão habilitados. Com o programa será possível ainda reduzir a ilegalidade e, consequentemente, reduzir a quantidade de acidentes.

 Requisitos

Para ter acesso à gratuidade, os jovens precisam ter idade entre 18 e 21 anos e ter cursado as três últimas séries do ensino médio em escola pública. Pelo programa, 50% das vagas serão destinadas aos inscritos com melhores pontuações no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) realizado no ano anterior e as outras 50% serão distribuídas por sorteio.

Inicialmente, o programa abrangerá os 54 municípios maranhenses que estão incluídos no Sistema Nacional de Trânsito e é válido para emissões de PD e CNH nas categorias A, B e AB.

Quase 1,5 mil famílias podem perder o bolsa família em SL

Publicado em: 10 de março de 2015 | por: ellen nascimento

Prazo para regularização vai até 31 de março

Cerca de 1.500 famílias que deixaram de fazer o recadastramento do Bolsa Família e tiveram o benefício bloqueado em fevereiro deste ano, devem procurar a Prefeitura de São Luís, para atualizar seus dados cadastrais e regularizar o pagamento.

Qualquer alteração no endereço, na renda, na composição familiar ou na localização da escola dos filhos para acompanhamento da frequência escolar, deve ser comunicada a gestão municipal e registrada no cadastro da família.

Para realizar a atualização cadastral é importante levar documentos como a carteira de identidade, o CPF, o título de eleitor, a certidão de nascimento das crianças, um comprovante de residência e a declaração de matrícula das crianças na escola.

As famílias que ainda não regularizaram a situação têm até o dia 31 de março para enviar os dados sob pena de perderem definitivamente o benefício.

Dilma visitará o Maranhão para vistoriar obras e assinar convênios

Publicado em: 10 de março de 2015 | por: ellen nascimento

370-dilma_posse1

Praticamente um ano depois da sua última vinda ao Maranhão e, cinco meses depois de receber, no estado, a sua maior votação nas eleições de outubro do ano passado, a presidente Dilma Rousseff cumprirá agenda em terras maranhenses, que envolve vistoria em obras de duplicação da BR-135, visita institucional ao governador Flávio Dino (PCdoB), para reafirmação de parcerias na execução de programas estaduais e federais no estado, além de agradecer a maciça votação recebida no pleito que a reelegeu.

De acordo com informações divulgadas pelo jornal O Estado de São Paulo e Rádio Jovem Pan, a visita da presidente Dilma faz parte de uma série de “agendas positivas” com inaugurações e visitas a obras em cinco estados. Além do Maranhão, a agenda inclui, nos próximos dez dias, visitas aos estados de São Paulo, Acre, Rio de Janeiro e Goiás.

A vinda da presidente não foi confirmada pelas direção estadual do Partido dos Trabalhadores (PT). De acordo com a legenda, a vinda de Dilma ao Maranhão não consta na agenda do Palácio do Planalto para esta semana, e o diretório estadual ainda não foi informado sobre essa agenda.

Ao contrário do partido da presidente, o Partido Comunista do Brasil (PCdoB) no Maranhão, confirmou a visita de Dilma no estado e explicou que a agenda foi acertada durante a audiência do governador Flávio Dino com a presidente, realizada no último dia 25 de fevereiro, em Brasília. Além das duas legendas, representantes estaduais do PSDB e o PMDB também se manifestaram sobre a agenda da presidente no Maranhão.

De acordo com a assessoria do PCdoB-MA, entre os compromissos da agenda de Dilma no Maranhão, consta, além da visita às obras da BR-135, única rodovia federal no estado que passa por melhorias, a celebração de acertos institucionais entre o Governo do Estado e Governo Federal, para o desenvolvimento e execução de ações no âmbito estadual e federal.

“Será uma agenda absolutamente natural que acena para a reafirmação da relação institucional entre os governo federal e o governo do Maranhão. Tanto o governador Flávio Dino, quanto o PCdoB sempre tiveram uma ótima relação com Dilma e, nesse momento em que o governo da presidenta sofre vários ataques e até tentativa de golpe, o partido reafirma sua confiança no governo federal e se coloca na contraofensiva à essa tentativa de golpe puxada por setores reacionários da sociedade”, explica a assessoria do partido.

Apesar de afirmar ser algo concreto, a assessoria do PCdoB não informou, entretanto, a data exata da visita de Dilma ao Maranhão.

Ex-diretor da Petrobras afirma que repassou R$ 13 milhões a Roseana Sarney e Edison Lobão

Publicado em: 9 de março de 2015 | por: ellen nascimento

Desde a noite de sexta-feira (6), após a divulgação da lista de políticos envolvidos na investigação do Supremo Tribunal Federal na Operação Lava-Jato, surgem novas denúncias contra os citados. Entre os maranhenses envolvidos, estão denúncias de pagamento de propina e repasses de dinheiro, ao senador Edison Lobão (PMDB) e a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), respectivamente.

20150308110712196335i

De acordo com matéria veiculada no jornal Folha de São Paulo, entre os depoimentos da delação premiada, estão de um executivo da empreiteira Camargo Corrêa, que teria repassado cerca de R$10 milhões de propina ao senador e ex-Ministro de Minas e Energia Edison Lobão, que integra a lista de políticos investigados pelo STF na Operação Lava Jato. Em depoimento, o executivo afirmou que o dinheiro foi solicitado pelo próprio peemedebista.

O pagamento teria sido realizado em 2011, quando a empresa foi contratada para participar da construção da usina de Belo Monte – Lobão era ministro na época. O nome do senador já havia sido citado em delações do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e do doleiro Alberto Youssef.

Youssef dizia na carceragem da Polícia Federal em Curitiba que Lobão era o “chefe” do esquema de desvios na Petrobras, segundo a Folha. De acordo com a publicação, o executivo da Camargo, Dalton Avancini, fez o relato sobre a suposta propina paga a Lobão durante as negociações com procuradores para o acordo de delação. Ele também citou que houve trativa sobre suborno na contratação da Camargo para fazer a usina atômica Angra 3.

Em respostas a essas denúncias, o advogado do senador Lobão, Antônio Carlos de Almeida Castro, mais conhecido como Kakay, disse que a delação não é prova e que a “palavra de delator tem credibilidade zero”, afirmou.

Quem também teria recebido dinheiro, seria a ex-governadora Roseana Sarney. O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa disse em delação premiada ter entregue R$ 2 milhões para a campanha da peemedebista ao governo do Maranhão em 2010, a pedido do então ministro de Minas e Energia, senador Edison Lobão (PMDB). A reunião teria acontecido no gabinete do ministro. Lobão e Roseana serão investigadas por corrupção passiva qualificada e lavagem de dinheiro.

Prorrogado prazo para inscrição do Processo Seletivo do MPF no MA

Publicado em: 9 de março de 2015 | por: ellen nascimento

Do G1 MA

seletivo-estagio-ministerio-publico-federal-maranhao-mpf-ma-2015

As inscrições para o cadastro reserva de estagiários de nível superior do Ministério Público Federal no Maranhão (MPF/MA) foi prorrogado até o próximo dia 13 de março.

O certame é voltado aos estudantes das áreas de Direito, Administração, Biblioteconomia, Comunicação Social (Jornalismo), Serviço Social e Tecnologia da Informação e Equivalentes. Podem concorrer às vagas os alunos das Instituições conveniadas ao MPF/MA, regularmente matriculados.

Os interessados devem realizar a pré-inscrição pelo site Procuradoria da República no Maranhão até às 18h.